Páginas

Um Segundo

O poema feito com precisão

de um segundo,

quando embargava no ônibus,

não explodiu,

se perdeu no caminho

entre a intuição e o papel.

Nenhum comentário: