Páginas

Desescrever

Escrevo porque sou analfabeto
Não sei o que leio no correr
dos dias por entre luzes
e becos de fora escondidos

Escrevo, talvez por sina,
mesmo sem entender
tudo aquilo que escrito
a letra transmite ao léu

Escrevo e todos os medos
da extrema escuridão
permanecem para sempre...

Escrevo e, reconheço, soletro
cada fonema brincando
dentro de mim feito menino.

Escrevo e, reconheço, soletro
cada sílaba brincando
dentro de mim feito menina.

Nenhum comentário: