Páginas

Catar lixo

Quando às vezes saio
para catar lixo em livros de poesia
de poetas menores como eu
chego a encontrar coisas belas
faço alguma tabela
e fico entusiasta:
“Quem sabe um dia, sempre um dia,
ou mesmo uma hora escreva assim”.

Nenhum comentário: